Compositores

Fotos de Allysson Martins
Allysson Martins
Cantor, violonista e compositor

Alysson Martins é compositor, violonista, pianista, saxofonista, além de vocalista. Com um repertório vasto (de Almir Sater, Caetano Veloso a Frank Sinatra), faz shows com músicas já conhecidas e seu trabalho autoral, que vem se desenvolvendo com todo cuidado, primando pela qualidade musical.

Seus shows podem apresentar um mix de estilos ou serem específicos num dos gêneros que domina: MPB, pop rock nacional e internacional e sertanejo.

Com sua voz afinada e carisma, a cada dia conquista um público maior, inclusive os mais exigentes.

Onde Allysson já tocou: Memorial da América Latina, Parque Municipal de Barueri com apoio da Prefeitura, Teatro UMC, Espaço Cultural Brazileria, festas particulares (festas infantis e de adultos), restaurantes e bares descolados, etc.

Mais Informações

Fotos de Banda Mofo Jam
Banda Mofo Jam
Rock clássico

Que négócio é esse, Mofo JAM?

O termo JAM, que em inglês também significa “geleia”, vem das iniciais de “Jazz After Midinight”. Nos anos 1950, nos EUA, depois da meia noite, ao saírem dos seus concertos nas Big Bands, os músicos se reuniam para improvisar e fazer aquele som. Era bastante comum músicos presentes serem convidados pra subir ao palco sem ensaio prévio.

E porque isso de MOFO?

Você sabia que até hoje ainda é possível encontrar gravações raras de grandes bandas da história da música perdidas em galpões empoeirados, estúdios desativados ou porões mofados ao redor do mundo? Pois é. Às vezes o MOFO nem é tão ruim assim, vai?

MOFO JAM é uma reunião de amigos apaixonados pela música e pelo RockRoll. O repertório é recheado de clássicos do Blues, Rock e Soul; passando pela década de 50, 60 e 70 em versões livres e inspiradas. Entre as bandas do set estão Beatles, Elvis Presley, Rolling Stones, Deep Purple, Led Zeppelin, ZZTop, Black Sabbath, Neil Young, Eric Clapton, Freddie King, Cream, Bad Company, Ray Charles, Steve Wonder e diversas outras bandas que marcaram época. Quer ouvir algo diferente? Só pedir.

A banda traz rock tocado com alma e coração.

Fotos de Banda Ritz
Banda Ritz

RITZ lança seu mais novo EP intitulado “EU”, uma leitura vertiginosa do sujeito que ocorre entre devaneios e reflexões, sem esquecer é claro de uma das marcas da banda que é a luta contra a intolerância, abordada em seu disco anterior.
O caminho trilhado no cenário musical não se faz sozinho, muito trabalho e grandes parcerias garantem a ascensão desse trio. Juninho, Ricardo e Flávio, mantém um equilíbrio entre prazer, profissionalismo e o gosto inquestionável pelo palco, convidando você em seu mais novo trabalho, a se lançar em suas ideias. Influenciados pelo rock, pop e o indie, a RITZ traz em seu “EU” o entusiasmo de acreditar em si mesmo e que dias melhores ainda estão por vir.

Preservar a liberdade de expressão dentro de uma sociedade que busca rotular e impor uma forma de comportamento é o que encontramos desde a origem dos primeiros singles e que continua a contornar esse trabalho. Em “EU”, a banda continua provocando os seus ouvintes, mas agora do ponto de vista do sujeito que é o tema central dos seus mais novos singles. O EP foi composto e executado pela própria banda que deixa impresso no ato de sua criação todos os sentimentos que conduzem suas descobertas.

Dessa forma a RITZ trilha sua estrada, causando emoções que preservam uma boa qualidade de música; uma sintonia entre pensar e cantar que somente é revelada quando escutamos o seu “EU”.

Fotos de Banda Saco de Gatos
Banda Saco de Gatos
Banda de humor

O“Saco de Gatos” surgiu em 1982, na mesma época de bandas como o “Língua de Trapo” e “Premeditando o Breque”. O grupo sempre apostou no humor em suas composições próprias com o objetivo se firmar no cenário artístico nacional. O grupo, que causou burburinho nos anos 1980, fez algumas apresentações na época, mas não chegou a lançar nenhum disco.

 

O grupo se separou alguns anos depois, mas em 2005, graças ao advento das redes sociais, os amigos se reencontraram e decidiram se reunir novamente, para deixar registrado o material antigo. Fizeram novos arranjos, foram para estúdio e gravaram um CD, que saiu com o sugestivo nome de “Era para ser vinil”.

Outros hits do grupo são as músicas “O amor é cego” – com uma levada brega, mostrando a paixão de um rapaz por uma moça que não enxerga, “Os opostos se atraem”, com um casal completamente diferente um do outro (Angélica Angelina/ a gente não se entende/ a gente não combina/ Quando um de nós começa/ O outro já termina) e “Roxana”, que mostra o amor de um nordestino tradicional por uma moça que trabalha na profissão mais antiga do mundo (versão forró com adaptação de letra bem humorada para o clássico Roxane, do Police).

O CD teve todo o trabalho de finalização a cargo dos maestros brasileiros premiados com dois Grammys – Ruriá Duprat e Eduardo Santos.

Fotos de Brunno Zaia
Brunno Zaia
Cantor, violonista e compositor

Nascido em Salvador, Bahia, é filho de uma das vozes mais marcantes dos anos 90: Reinaldo, ex-vocalista do Terra Samba. Com um timbre poderoso e marcante, o irreverente Zaia vem
surpreendendo a todos com seu talento, identidade, swing e carisma.

Dependendo do local e do público, Zaia está sempre pronto a expandir o “set list”, com
diversas releituras de grandes nomes da MPB e pop nacional, tais como Djavan,
Gilberto Gil, Paralamas do Sucesso, Lulu Santos, Jorge Benjor, etc.

Assim é o som que o jovem cantor, violonista e compositor Zaia
(Brunno Zaia) traz em seu rico repertório musical.

Apontado como uma das revelações da música baiana por
artistas como Saulo Fernandes, ex-Banda Eva, traz em seu
som uma proposta que mescla timbres eletrônicos com a
percussão brasileira, mais precisamente a baiana.

Em sua trajetória, Zaia já participou de shows de artistas renomados como Ivo Meirelles e Seu Jorge.

Fotos de Clarissa Mayoral
Clarissa Mayoral
Cantora, compositora e atriz

Clarissa estudou artes cênicas e trabalha como atriz desde os 15 anos.  Formou-se em rádio e TV pela Anhembi Morumbi. Na área musical, investiu em aulas de canto, fonoaudióloga e tudo que precisava pra lapidar esse outro talento. Mais tarde – em 2012 – lançou o clipe “Aos seus pés” e não parou mais de gravar e cantar.

Antes do projeto autoral intitulado “Caminho”, Clarissa teve sua estreia com “Descoberta” e posteriormente “Clarissa Mayoral”, ambos disponíveis em plataformas digitais como Deezer, ITunes e Spotfy.

Mais Informações

Fotos de Daniel Barreto
Daniel Barreto
Compositor, cantor e instrumentista

Daniel é vocalista fundador da banda Índios Nativos Valvulados, que desde 2011 experimenta as múltiplas possibilidades de pensar a música, com tons e cores incomuns. Na banda, difundiram o rock alternativo com uma mistura poética bem distribuída em seus versos. Suas músicas convidam o ouvinte a um passeio no tempo, onde as influências de diversas gerações da música brasileira conversam numa cadência diferenciada, construindo um mosaico despretensioso e agradável.

A banda é formada por Daniel Barreto (voz), Eduardo Foo (guitarra), Tiago Ribeiro (baixo) e Heitor Sena (bateria). Em 2015, os Índios lançaram o seu segundo EP “Como Tinha Que Ser”, com composições inéditas.

Na estrada, entre as diversas apresentações, destaca-se o festival Rock Na Cidade
– Hospital Matarazzo/SP, organizado pela rádio 89FM, dividindo o palco com bandas e artistas consagrados como IRA! e Dinho Ouro Preto; música na programação da 89FM pelo programa TEMOS VAGAS; apresentação ao vivo na Rádio Brasil 2000; festival Todo Som/Barueri; Festival de Artes da Vila Madalena; programa Cotonete da Universidade FAAP; Sônica de Garagem da FAMESP; além de ficarem classificados entre as 50 bandas mais votadas do Brasil para participar do festival Lollapalooza/SP – 2015.

Agora, Daniel investe na carreira solo, mas ainda acompanhado por alguns músicos que integraram a banda INV.

Fotos de Daniel Oper
Daniel Oper
Cantor e violonista
Fotos de Dodo OLIVEIRA
Dodo OLIVEIRA
Cantor, violonista e compositor Agência Cítara

O cantor e seu violão seguem em uma jornada de mais 20 anos, com uma carreira repleta de ritmo, apresentações emocionantes e muito alto astral. Suas performances ao vivo contagiam bares, casas noturnas e eventos particulares com seu carisma e musicalidade.

O músico iniciou sua trajetória ainda nos anos 90. Com quase três décadas de muito trabalho, Dodô agora coloca toda a bagagem adquirida a serviço de uma experiência renovada, através de suas próprias melodias e canções.

Em seu mais recente trabalho autoral, intitulado “APHRODITE”, o cantor apresenta seu ritmo dançante e letras românticas no melhor do estilo Pop/Soul Music, em uma sonoridade que remete ao suingue da linguagem da Motown.

As músicas ‘PALAVRAS’, ‘PENSAMENTOS VOAM’, ‘APHRODITE’, ‘CRISTINA’, ‘NATUREZA’ e ‘NADA MUDOU’ podem ser encontradas nas plataformas digitais mais populares e em CD (EP) físico.

Fotos de João Cássio
João Cássio
Cantor, compositor e violonista

João Cássio é cantor e compositor. Começou sua carreira no interior do Paraná, onde se apresentou em bares, restaurantes e eventos diversos. Há dois anos vive na capital paulista. Com letras reflexivas e provocadoras, seu trabalho autoral prima pela mensagem, unindo a sutileza mística com o olhar atento para a vida concreta, na linha dos bardos Bob Dylan, Belchior, Raul Seixas e Renato Russo, suas principais influências. Também possui amplo repertório de músicas já consagradas nos estilos pop rock (Anos 70, 80, 90 e 2000), folk rock, MPB e sertanejo (estilo Almir Sater e Renato Teixeira).

Fotos de João Fernandes
João Fernandes
Compositor, cantor e violonista

Mais Informações

Fotos de João Siimas
João Siimas
Cantor, compositor e violonista

O duo formado por João Siimas e Julian Campos nasceu em 2018. Os dois músicos, naturais de outros estados, residem na cidade de Santo André, no ABC paulista. Siimas é autodidata daqueles raros e expressa desde cedo seu talento musical. Julian é formado pelo Conservatório de Alfenas, Minas Gerais. Os artistas trazem referências da MPB e do pop nacional, além de alguns ritmos regionais do Brasil. Eles encantam o público ao fazer um revezamento entre voz, violão e cajon, trazendo uma proposta intimista que combina as vozes com os arranjos criados por eles. O intuito é mostrar a identidade do duo. E o resultado é uma sintonia que dá prazer em ver e ouvir.

O duo foi um dos integrantes do projeto Música no Braugarten, restaurante de comida alemã; conquistou o público do Memorial da América Latina; tocou no SESC Florêncio; entre outros trabalhos.

Fotos de Karin Martins
Karin Martins
Cantora, violonista e compositora

Dona de uma voz suave, a cantora Karin Martins despertou para música aos três anos de idade, quando dedilhou as cordas do violão de seu avô e tirou suas primeiras melodias. Aos 11 anos, ganhou seu primeiro violão do qual nunca mais se separou.

Logo cedo, Karin começou a estudar a música a fundo. Aos 12 anos, entrou para Escola de Música e Tecnologia (EM&T) e teve renomados mestres que a guiaram durante toda sua carreira, entre eles, nomes como Viviane Keller, Hercílio Ramos e Felipe de Abreu. Aos 14 anos, escreveu “Castelo de Cartas”, sua primeira composição, que ainda hoje mantém em seu repertório. Com 15 anos iniciou sua carreira profissional na Pizzaria de um amigo de sua mãe e logo conquistou bares, teatros e casas de toda cidade.

Dotada de uma voz macia e envolvente, a cantora conquistou a Argentina, onde foi convidada para tocar musicas brasileiras em diversas casas, como na “La Vida Dirá”. Ainda na terra de nossos irmãos latinos, a cantora participou do show de Marcela Viciano.

Seu gosto pelo MPB vem de família. As festas vespertinas eram sempre regadas de música popular brasileira. Em sua carreira musical, Karin mistura as raízes da MPB com Samba Jazz e Groove.
Hoje, Karin Martins vive integralmente para música, e divide seu tempo entre sua carreira musical, e preparação vocal de cantores e atores. Paulistana, aos 28 anos esta geminiana exigente e perfeccionista lançou recentemente seu primeiro álbum “Quem é você?”, com produção de Paulo Vaz, tecladista do Supercombo.

Mais Informações

Fotos de Kito Rocha
Kito Rocha
Cantor, compositor e violonista

Kito Rocha é cantor, violonista e compositor. Líder da Banda Kosmorama, que carrega o estilo country rock e músicas autorais. Em seu trabalho solo, o roqueiro inclui no repertório canções de músicos consagrados mundialmente como Rod Stewart e Bon Jovi.

Mais Informações

Fotos de Lis de Carvalho
Lis de Carvalho
Pianista

Paulista e paulistana, Lis de Carvalho é pianista, arranjadora, educadora, compositora e grande improvisadora.

Aos 3 anos de idade já mostrava sua vocação ao dedilhar as primeiras notas.

Aos 6 anos de idade, iniciou seus estudos de piano com Lina Pires de Campos e de piano jazz com Gogô, hoje professor da Unicamp.
_______________________________________
Formação

Estudou teoria e solfejo com Claudio Stephan, composição com Koellroeuter, harmonia, arranjo e orquestração com Cláudio Leal Ferreira, programação de teclados e síntese na Escola Sínteses, e técnica pianística com Maria José Carrasqueira.

Faculdade de Filosofia USP, Faculdade de Piano Popular EMESP,
Faculdade de harmonia Popular EMESP, Bacharelado em Piano Popular na FASM Faculdade Santa Marcelina. Seu TCC foi sobre “Radamés Gnatalli”.

Nos anos 80 foi integrante do Grupo “Kali” – Primeiro grupo instrumental feminino.

Participou de vários projetos com Celso Pixinga, onde várias de suas composições foram gravadas.

Participou em diversos CDs da cena instrumental e vocal, onde atuou ao lado de músicos como Sizão Machado, Maestro Gil Jardim, Carlos Bala, Pepe Cisneros, Bocato, Faíska, Polaco, Teco Cardoso, Vítor Alcântara, Silvinho Mazzuca e Giba Favery .

Tocou com artistas como Paulo Moura, Raul de Souza, Lula Galvão, Edu Lobo e Orquestra Jazz Sinfônica, Quarteto em Cy, Vânia Bastos, Tetê Spindola, Eliete Negreiros, Zezé Mota, Paula Lima, Margareth Menezes, Walter Franco, Richtie, Cezar de Mercês e Sérgio Dias.

Fez produção musical para o núcleo de teledramaturgia do SBT assim como para o mercado publicitário.

Como pianista e arranjadora, ao lado do Maestro Tasso Bangel, do Grupo “Tom da Terra”, cujo CD “Brasil Branco Negro” foi indicado ao Prêmio TIM como melhor grupo vocal de 2.003.

Sua vocação educacional tem se destacado por sua dedicação em formar grandes musicistas para as próximas gerações,

Seu DVD – Introdução ao piano base – formas de acompanhamento, é uma verdadeira aula para iniciantes ou quem pretende seguir a carreira de pianista. Explica de maneira bem didática, o emprego de certas conduções rítmicas, além de técnica de relaxamento, postura e exercícios.

Em 2005, gravou o CD Bossa Nova da série MPBaby, recomendado por educadores para pais e filhos.

Atua na EMESP-TOM JOBIM, desde sua fundação, onde é coordenadora da área de piano e acordeão, além de lecionar o curso de Harmonia e prática de conjunto e participar das bancas de avaliação ao lado de grande músicos da cena instrumental.

Fotos de Marcell Ortiz
Marcell Ortiz
Baixista, cantor e compositor

Músico, multi-instrumentista, produtor musical, arranjador e compositor.
Formado pela ULM (Universidade Livre de Música Tom Jobim). Foi aluno de Itamar Colaço.

No Brasil, tocou com vários artistas: Grupo Pixote, Turma do pagode, Reinaldo (Príncipe) do pagode, Kaleidoscópio, Débora Blando, etc. Na África, tocou com o Grupo Malícia.
Na Itália e em Portugal, participou da Turnê do Kaleidoscópio e SAMBô (Itália).
Suas participações nas gravações de CDs e DVDs são inúmeras e entre as mais relevantes estão:

DVDs: “Melhores do Ano” de 2006, DVD Reinaldo – o Príncipe do Pagode, primeiro e segundo DVD da Turma do Pagode.
CDs: Samprazer, Turma do Pagode, Doce Encontro, Façanha, Netinho de Paula, DVD grupo SAMBô 2016 , Leilah Moreno, Cantor Belo…

Vale ressaltar que muitas de suas gravações foram realizadas para artistas produzidos por: Lua Lafayette, Pezinho, Peu Cavalcante, Tchorta Borato, Gui Borato, entre outros.

SUAS COMPOSIÇÕES populares:

Alimenta Meu Sonho (Grupo Refla); Conto Com Você (grupo Kaluana); Não Dá Mais (Grupo Turma do Pagode); Pra Mim já Chega (Janaina Lima); Eu Não Vejo a Hora (Grupo Façanha). Do álbum “VIP”, da artista Leilah Moreno, 9 músicas são de sua autoria e do álbum GRITE ALTO, da cantora Cindy Mendes (uma das integrantes do grupo ANTONIA), são 7 músicas de sua autoria.

Atualmente, Marcell Ortiz está com seu show autoral, seu primeiro trabalho solo que mostra um pouco mais de suas composições e versatilidade musical.

SITE http://marcellortizoficial.wix.com/musica

Fotos de Marcílio Menezes
Marcílio Menezes
Cantor, compositor e violonista

Artista de talento ímpar e grande experiência, traz 2 projetos: Forró para Januário e Bahia Minas.

Fotos de Nuno Flores
Nuno Flores
Violinista e compositor – artista português

O renomado violinista nasceu numa família de músicos. Seu avô pertenceu à Orquestra Sinfónica do Porto e o seu pai à Orquestra Calouste Gulbenkian durante cerca de 40 anos. Nuno revelou talento para a música com apenas 3 anos e começou a aprender violino com 5 anos. Continuou a sua aprendizagem até aos 18 anos, idade com que se formou pelo Conservatório Nacional de Música e mais tarde em Ciências Musicais pela Escola Superior de Música de Lisboa. Integrou, entre outras, a Orquestra Sinfónica Juvenil, Orquestra da Juventude Musical Portuguesa, Orquestra Calouste Gulbenkian e Orquestra Metropolitana de Lisboa.

Foi membro dos Quinta do Bill de 1993 a 2005 e membro fundador dos inovadores projetos – Corvos, Ensemble Amadeus (Ensemble de Cordas que traja do Séc. IVIII) e “The Crow”.

Nuno Flores conta com várias digressões internacionais e parcerias em gravações de músicos tão diversos quanto ecléticos. Entre as suas colaborações estão a participação no segundo trabalho discográfico do grupo Entre Aspas, «Mysterium» de Rodrigo Leão/Vox Ensemble, a gravação como convidado no primeiro registo discográfico dos Moonspell, gravou também com os UHF seis temas e dois temas com António Manuel Ribeiro a solo, e efetuou várias digressões internacionais e gravações com o cantor Paulo Bragança. Colaborou também com os artistasgrupos, GNR, Santos e Pecadores, Blindzero, Titãs, Ivete Sangalo, Raimundos, Tony Garrido, Carlinhos Brown, entre outros.

Atua frequentemente em Live Act com diversos DJs, a destacar: DJ Vibe, Pete Tha Zouk, Luís Leite, etc., percorrendo alguns dos melhores clubs nacionais tais como Lux-Frágil, Budha Club, Estado Novo, Club W, etc.

Mais Informações

Fotos de Raul Mozardo
Raul Mozardo
Cantor e violonista

Estilos: sertanejo, pop, MPB

Mais Informações

Fotos de Renato Callado
Renato Callado
Cantor, violonista e compositor Agência Cítara

Callado iniciou sua trajetória na música como baterista em bandas de Classic Rock, tocando em festivais e casas noturnas da capital paulista. Gravou matéria no programa Circulando e “H”, com Luciano Huck, ainda na Band TV, no final dos anos 90.

Posteriormente, Callado assumiu seu amor pelas cordas e iniciou seus estudos musicais, passando pelo renomado conservatório ULM – Tom Jobim (atual EMESP), onde estudou teoria musical; pela EM&T, onde cursou aulas de canto; e pela OMB, onde estudou teoria musical e na qual se registrou como músico profissional em 2008.
Callado se apresenta frequentemente no clássico formato de violão e voz. Atualmente, participa do projeto “O Pão Nosso de Cada Arte” em parceria com a Braggi Marketing e GPA, levando música ao vivo às lojas do Pão de Açúcar.

Callado, aos 37 anos, vai espalhando talento pela cidade de São Paulo, cantando em bares, festas, programas de TV e eventos, sempre com muita energia, profissionalismo e qualidade.

Mais Informações

Fotos de Renato Giraldi
Renato Giraldi
Cantor, compositor e multi-instrumentista

Multi-instrumentista, cantor e compositor paulistano, Renato Giraldi teve seu primeiro contato com a música na pré-adolescência. Aos 12 anos, começou a estudar piano. Nessa época, já trazia a ideia de compor e aprender diferentes instrumentos para favorecer o processo. Assim, posteriormente investiu no estudo de outros instrumentos, incluindo violão, guitarra, baixo, bateria, e por último a voz.

Estudou música popular, canto, arranjo, composição, tecnologia musical e improviso na Voice Centro de Desenvolvimento Artístico, tendo entre seus mestres Edney Lima, Paulo Sérgio de Brito, Renato Estela Soares e Vainer Dias; na Universidade Livre de Música; e segue estudando através de livros, cursos, novas tecnologias e experiências com a arte praticada e vivida.

Em sua trajetória como instrumentista integrou ótimas bandas, acompanhou artistas incríveis. Acompanhou o renomado baixista Ney Neto e o guitarrista Dney Bitencourt, na época colunistas da revista CoverBass, em diversos shows pela capital paulista, interior de SP, RJ e Brasília. Como guitarrista e violinista, acompanhou a cantora, atriz e apresentadora Luciana Schievano, então apresentadora do programa Ver Ciências, na TV Cultura. Fizeram temporadas no Na Mata Café, Manufatura, além de participação no programa Garagem, na TV Cultura; na All TV; entre outros. Acompanhou também a cantora internacional Michele Wankenne e a dupla sertaneja Diego e Diogo. No teatro marcou presença tocando, cantando e atuando nos espetáculos “Filhos do Brasil”, de concepção e direção de Oswaldo Montenegro, e o “Santa Joana dos Matadouros”, com direção de Zé Renato, ganhador do prêmio Visa.

Atualmente se apresenta nos formatos solo ou banda, com projeto autoral ou tributo no estilo rock ou pop alternativo. Além dos locais fixos onde toca, e outros clientes como prefeituras e casas de shows, o artista realiza semanalmente uma live com o projeto ‘ao vivo da sala’, conquistando cada vez mais pessoas com um trabalho de primeiríssima, versatilidade, muito bom gosto e um carisma contagiante.
.

Fotos de Renato Soares
Renato Soares
Músico, cantor, compositor e produtor musical

Renato Soares é músico, cantor, compositor e produtor musical, pós-graduado em canção popular; criação, produção musical e performance pela faculdade de música Santa Marcelina.

Graduado em Produção Musical pela Anhembi Morumbi, Renato Soares participou de palestras apresentadas por Paul White (Sound on Sound), Omid Burgin, Carlos Freitas (Classic Master), dentre outros nomes do mercado fonográfico. Com vasta experiência em gravações ao vivo, ao longo de sua carreira e formação gravou diversas bandas e artistas, como: Clube do Balanço, Perotá Chingó, Zéli, Batanga e CIA, Caravana Tonteria, China, Orquestra de Pífanos de Caruaru, Xaxado Novo, Black Budah, Carlos Walker, Carpnov, Bukassa Kabengele e banda Booka Mutoto, Mestre Lumumba, entre outros.

Como músico, atuou em diversos estilos musicais acompanhando artistas e bandas pelo país.

Cantor e instrumentista eclético que une versatilidade, talento, simpatia e desenvoltura no palco, trazendo em sua bagagem shows diversos, desde um intimista voz e violão a grandes shows com big bands e orquestras.

A oportunidade de trabalhar em nichos variados possibilitou ao artista uma visão de bastante amplitude no mundo da produção musical, tonando-o apto a gerir as tantas variáveis do meio fonográfico.

Mais Informações

Fotos de Samuca Moretti

Mais Informações

Fotos de Tatto Santtana
Tatto Santtana
Cantor, compositor, guitarrista, arranjador e maestro.

Tatto Santtana iniciou sua vida musical desde cedo. Aos quatorze anos de idade, ingressou em uma banda musical, que era composta pelos seus 5 irmãos, a “Manos Love”, com um estilo musical eclético e mix de ritmos. Depois de anos de trabalho com os irmãos, decidiu investir em carreira solo internacional. Mudou-se para a Espanha, apresentando-se em pubs, bares, discotecas e eventos em Madri. Seu fiel público formado por fãs espanhóis era apaixonado pelo seu estilo, o sertanejo. Seu público foi o maior incentivador para que Tatto se inscrevesse no programa musical “Hijos de  Babel”- ÍDOLOS – versão espanhola”, conquistando o 3º lugar.

Depois de 14 anos vividos na Espanha, decidiu retornar à sua terra natal, o Brasil, por ele jamais esquecido. Firmou-se um músico plurivalente: cantor, guitarrista, arranjador e maestro. Chegando ao Brasil, passou a compor para várias bandas, duplas sertanejas, muitas delas renomadas no cenário musical nacional, apresentando-se também em programas televisivos, entrevistas em diversas emissoras de rádio, participação em gravações de clipes e DVDs.

APRESENTAÇÃO

Atuando do palco, é vibrante, de energia positiva, carismático, envolvente e apaixonante com o seu público, tomando-se um cantor sertanejo de qualidade. Mistura os ritmos envolventes e sensuais da música latina e brasileira. Vem sendo acompanhado por músicos gabaritados na área com grande qualidade instrumental.

Em seu projeto de estúdio para gravação do seu primeiro CD de divulgação de trabalho, vai interpretar canções próprias e composições renomadas da música nacional e internacional de parceiros.

Fotos de Wilian Metlei
Wilian Metlei
Cantor, compositor e violonista

Wilian Metlei nasceu em Osasco em 1988 e foi na igreja, com 10 anos de idade, que descobriu seu amor pela música. Lá começou sua trajetória, primeiro como baterista. Aos 15 anos se descobriu cantor e, cansado de pedir aos seus amigos que tocassem violão para ele, aprendeu a tocar o instrumento. Nos primeiros 4 anos dessa história, a música era apenas um hobby, mas ao entrar no ensino médio viu que o hobby era o que impulsionava sua vida.

Em 2005 formou sua primeira banda de pop rock com alguns amigos e seu professor de história. A formação durou cerca de dois anos, com pequenos shows realizados na cidade. Em 2007 iniciou o curso superior em comunicação social e as aulas de filosofia despertaram seu lado questionador. Foi o período em que músicos como Raul Seixas, Belchior, Bob Dylan e Bob Marley tiveram papel fundamental no seu desenvolvimento artístico e nesse período começou a compor.

Em 2010 formou a banda Lua Norte, lançou um EP com 5 faixas autorais e realizou alguns shows. A banda se manteve em atividade até 2013, quando decidiu fazer um intercâmbio na Irlanda. Lá começou a fazer performances solo, voz e violão em pequenos bares de Dublin. Nesse período, conheceu artistas como Damien Rice e Glen Hansard e o folk passou a fazer parte de seu repertório. Ao retornar ao Brasil em 2014, iniciou dois projetos: Mosaico, com apresentações de pop rock e mpb em bares da capital Paulista; e a dupla pop Sâmia e Gael, com um formato acústico para eventos.

Em 2017 formou a banda Tropical Lounge, que tinha forte influência do reggae e pop rock e se apresentou em grandes eventos empresariais como 50 anos do grupo Notredame e festas fechadas para o Bradesco.
Em 2019 Wilian Metlei decidiu seguir carreira solo e lançou seu primeiro single, “Muito amor pra dar”, com composição de Ivo Mozart e produção de Marco Lafico. A música representa a passagem do cantor para o mundo pop, trazendo todas as influências que teve ao longo desses 20 anos.

Hoje, Wilian Metlei é um cantor e compositor plural, com personalidade forte e marcante. Seu show é composto por músicas autorais e canções contemporâneas de artistas como Lulu Santos, Jota Quest, Tiago Iorc, Vitor Kley e Ed Sheeran. Suas apresentações são carregadas de energia e emoção e agradam os mais diversos públicos.

Mais Informações