Compositores

Fotos de Banda Ritz
Banda Ritz

RITZ lança seu mais novo EP intitulado “EU”, uma leitura vertiginosa do sujeito que ocorre entre devaneios e reflexões, sem esquecer é claro de uma das marcas da banda que é a luta contra a intolerância, abordada em seu disco anterior.
O caminho trilhado no cenário musical não se faz sozinho, muito trabalho e grandes parcerias garantem a ascensão desse trio. Juninho, Ricardo e Flávio, mantém um equilíbrio entre prazer, profissionalismo e o gosto inquestionável pelo palco, convidando você em seu mais novo trabalho, a se lançar em suas ideias. Influenciados pelo rock, pop e o indie, a RITZ traz em seu “EU” o entusiasmo de acreditar em si mesmo e que dias melhores ainda estão por vir.

Preservar a liberdade de expressão dentro de uma sociedade que busca rotular e impor uma forma de comportamento é o que encontramos desde a origem dos primeiros singles e que continua a contornar esse trabalho. Em “EU”, a banda continua provocando os seus ouvintes, mas agora do ponto de vista do sujeito que é o tema central dos seus mais novos singles. O EP foi composto e executado pela própria banda que deixa impresso no ato de sua criação todos os sentimentos que conduzem suas descobertas.

Dessa forma a RITZ trilha sua estrada, causando emoções que preservam uma boa qualidade de música; uma sintonia entre pensar e cantar que somente é revelada quando escutamos o seu “EU”.

Fotos de Banda Saco de Gatos
Banda Saco de Gatos
Banda de humor

O“Saco de Gatos” surgiu em 1982, na mesma época de bandas como o “Língua de Trapo” e “Premeditando o Breque”. O grupo sempre apostou no humor em suas composições próprias com o objetivo se firmar no cenário artístico nacional. O grupo, que causou burburinho nos anos 1980, fez algumas apresentações na época, mas não chegou a lançar nenhum disco.

 

O grupo se separou alguns anos depois, mas em 2005, graças ao advento das redes sociais, os amigos se reencontraram e decidiram se reunir novamente, para deixar registrado o material antigo. Fizeram novos arranjos, foram para estúdio e gravaram um CD, que saiu com o sugestivo nome de “Era para ser vinil”.

Outros hits do grupo são as músicas “O amor é cego” – com uma levada brega, mostrando a paixão de um rapaz por uma moça que não enxerga, “Os opostos se atraem”, com um casal completamente diferente um do outro (Angélica Angelina/ a gente não se entende/ a gente não combina/ Quando um de nós começa/ O outro já termina) e “Roxana”, que mostra o amor de um nordestino tradicional por uma moça que trabalha na profissão mais antiga do mundo (versão forró com adaptação de letra bem humorada para o clássico Roxane, do Police).

O CD teve todo o trabalho de finalização a cargo dos maestros brasileiros premiados com dois Grammys – Ruriá Duprat e Eduardo Santos.

Fotos de Brunno Zaia
Brunno Zaia
Cantor, violonista e compositor

Nascido em Salvador, Bahia, é filho de uma das vozes mais marcantes dos anos 90: Reinaldo, ex-vocalista do Terra Samba. Com um timbre poderoso e marcante, o irreverente Zaia vem
surpreendendo a todos com seu talento, identidade, swing e carisma.

Dependendo do local e do público, Zaia está sempre pronto a expandir o “set list”, com
diversas releituras de grandes nomes da MPB e pop nacional, tais como Djavan,
Gilberto Gil, Paralamas do Sucesso, Lulu Santos, Jorge Benjor, etc.

Assim é o som que o jovem cantor, violonista e compositor Zaia
(Brunno Zaia) traz em seu rico repertório musical.

Apontado como uma das revelações da música baiana por
artistas como Saulo Fernandes, ex-Banda Eva, traz em seu
som uma proposta que mescla timbres eletrônicos com a
percussão brasileira, mais precisamente a baiana.

Em sua trajetória, Zaia já participou de shows de artistas renomados como Ivo Meirelles e Seu Jorge.

Fotos de Clarissa Mayoral
Clarissa Mayoral
Cantora, compositora e atriz

Clarissa estudou artes cênicas e trabalha como atriz desde os 15 anos.  Formou-se em rádio e TV pela Anhembi Morumbi. Na área musical, investiu em aulas de canto, fonoaudióloga e tudo que precisava pra lapidar esse outro talento. Mais tarde – em 2012 – lançou o clipe “Aos seus pés” e não parou mais de gravar e cantar.

Antes do projeto autoral intitulado “Caminho”, Clarissa teve sua estreia com “Descoberta” e posteriormente “Clarissa Mayoral”, ambos disponíveis em plataformas digitais como Deezer, ITunes e Spotfy.

Mais Informações

Fotos de Daniel Barreto
Daniel Barreto
Compositor, cantor e instrumentista

Daniel é vocalista fundador da banda Índios Nativos Valvulados, que desde 2011 experimenta as múltiplas possibilidades de pensar a música, com tons e cores incomuns. Na banda, difundiram o rock alternativo com uma mistura poética bem distribuída em seus versos. Suas músicas convidam o ouvinte a um passeio no tempo, onde as influências de diversas gerações da música brasileira conversam numa cadência diferenciada, construindo um mosaico despretensioso e agradável.

A banda é formada por Daniel Barreto (voz), Eduardo Foo (guitarra), Tiago Ribeiro (baixo) e Heitor Sena (bateria). Em 2015, os Índios lançaram o seu segundo EP “Como Tinha Que Ser”, com composições inéditas.

Na estrada, entre as diversas apresentações, destaca-se o festival Rock Na Cidade
– Hospital Matarazzo/SP, organizado pela rádio 89FM, dividindo o palco com bandas e artistas consagrados como IRA! e Dinho Ouro Preto; música na programação da 89FM pelo programa TEMOS VAGAS; apresentação ao vivo na Rádio Brasil 2000; festival Todo Som/Barueri; Festival de Artes da Vila Madalena; programa Cotonete da Universidade FAAP; Sônica de Garagem da FAMESP; além de ficarem classificados entre as 50 bandas mais votadas do Brasil para participar do festival Lollapalooza/SP – 2015.

Agora, Daniel investe na carreira solo, mas ainda acompanhado por alguns músicos que integraram a banda INV.

Fotos de Daniel Oper
Daniel Oper
Cantor e violonista
Fotos de João Fernandes
João Fernandes
Compositor, cantor e violonista

Mais Informações

Fotos de Karin Martins
Karin Martins
Cantora, violonista e compositora

Dona de uma voz suave, a cantora Karin Martins despertou para música aos três anos de idade, quando dedilhou as cordas do violão de seu avô e tirou suas primeiras melodias. Aos 11 anos, ganhou seu primeiro violão do qual nunca mais se separou.

Logo cedo, Karin começou a estudar a música a fundo. Aos 12 anos, entrou para Escola de Música e Tecnologia (EM&T) e teve renomados mestres que a guiaram durante toda sua carreira, entre eles, nomes como Viviane Keller, Hercílio Ramos e Felipe de Abreu. Aos 14 anos, escreveu “Castelo de Cartas”, sua primeira composição, que ainda hoje mantém em seu repertório. Com 15 anos iniciou sua carreira profissional na Pizzaria de um amigo de sua mãe e logo conquistou bares, teatros e casas de toda cidade.

Dotada de uma voz macia e envolvente, a cantora conquistou a Argentina, onde foi convidada para tocar musicas brasileiras em diversas casas, como na “La Vida Dirá”. Ainda na terra de nossos irmãos latinos, a cantora participou do show de Marcela Viciano.

Seu gosto pelo MPB vem de família. As festas vespertinas eram sempre regadas de música popular brasileira. Em sua carreira musical, Karin mistura as raízes da MPB com Samba Jazz e Groove.
Hoje, Karin Martins vive integralmente para música, e divide seu tempo entre sua carreira musical, e preparação vocal de cantores e atores. Paulistana, aos 28 anos esta geminiana exigente e perfeccionista lançou recentemente seu primeiro álbum “Quem é você?”, com produção de Paulo Vaz, tecladista do Supercombo.

Mais Informações

Fotos de Lis de Carvalho
Lis de Carvalho
Pianista

Paulista e paulistana, Lis de Carvalho é pianista, arranjadora, educadora, compositora e grande improvisadora.

Aos 3 anos de idade já mostrava sua vocação ao dedilhar as primeiras notas.

Aos 6 anos de idade, iniciou seus estudos de piano com Lina Pires de Campos e de piano jazz com Gogô, hoje professor da Unicamp.
_______________________________________
Formação

Estudou teoria e solfejo com Claudio Stephan, composição com Koellroeuter, harmonia, arranjo e orquestração com Cláudio Leal Ferreira, programação de teclados e síntese na Escola Sínteses, e técnica pianística com Maria José Carrasqueira.

Faculdade de Filosofia USP, Faculdade de Piano Popular EMESP,
Faculdade de harmonia Popular EMESP, Bacharelado em Piano Popular na FASM Faculdade Santa Marcelina. Seu TCC foi sobre “Radamés Gnatalli”.

Nos anos 80 foi integrante do Grupo “Kali” – Primeiro grupo instrumental feminino.

Participou de vários projetos com Celso Pixinga, onde várias de suas composições foram gravadas.

Participou em diversos CDs da cena instrumental e vocal, onde atuou ao lado de músicos como Sizão Machado, Maestro Gil Jardim, Carlos Bala, Pepe Cisneros, Bocato, Faíska, Polaco, Teco Cardoso, Vítor Alcântara, Silvinho Mazzuca e Giba Favery .

Tocou com artistas como Paulo Moura, Raul de Souza, Lula Galvão, Edu Lobo e Orquestra Jazz Sinfônica, Quarteto em Cy, Vânia Bastos, Tetê Spindola, Eliete Negreiros, Zezé Mota, Paula Lima, Margareth Menezes, Walter Franco, Richtie, Cezar de Mercês e Sérgio Dias.

Fez produção musical para o núcleo de teledramaturgia do SBT assim como para o mercado publicitário.

Como pianista e arranjadora, ao lado do Maestro Tasso Bangel, do Grupo “Tom da Terra”, cujo CD “Brasil Branco Negro” foi indicado ao Prêmio TIM como melhor grupo vocal de 2.003.

Sua vocação educacional tem se destacado por sua dedicação em formar grandes musicistas para as próximas gerações,

Seu DVD – Introdução ao piano base – formas de acompanhamento, é uma verdadeira aula para iniciantes ou quem pretende seguir a carreira de pianista. Explica de maneira bem didática, o emprego de certas conduções rítmicas, além de técnica de relaxamento, postura e exercícios.

Em 2005, gravou o CD Bossa Nova da série MPBaby, recomendado por educadores para pais e filhos.

Atua na EMESP-TOM JOBIM, desde sua fundação, onde é coordenadora da área de piano e acordeão, além de lecionar o curso de Harmonia e prática de conjunto e participar das bancas de avaliação ao lado de grande músicos da cena instrumental.

Fotos de Marcell Ortiz
Marcell Ortiz
Baixista, cantor e compositor

Músico, multi-instrumentista, produtor musical, arranjador e compositor.
Formado pela ULM (Universidade Livre de Música Tom Jobim). Foi aluno de Itamar Colaço.

No Brasil, tocou com vários artistas: Grupo Pixote, Turma do pagode, Reinaldo (Príncipe) do pagode, Kaleidoscópio, Débora Blando, etc. Na África, tocou com o Grupo Malícia.
Na Itália e em Portugal, participou da Turnê do Kaleidoscópio e SAMBô (Itália).
Suas participações nas gravações de CDs e DVDs são inúmeras e entre as mais relevantes estão:

DVDs: “Melhores do Ano” de 2006, DVD Reinaldo – o Príncipe do Pagode, primeiro e segundo DVD da Turma do Pagode.
CDs: Samprazer, Turma do Pagode, Doce Encontro, Façanha, Netinho de Paula, DVD grupo SAMBô 2016 , Leilah Moreno, Cantor Belo…

Vale ressaltar que muitas de suas gravações foram realizadas para artistas produzidos por: Lua Lafayette, Pezinho, Peu Cavalcante, Tchorta Borato, Gui Borato, entre outros.

SUAS COMPOSIÇÕES populares:

Alimenta Meu Sonho (Grupo Refla); Conto Com Você (grupo Kaluana); Não Dá Mais (Grupo Turma do Pagode); Pra Mim já Chega (Janaina Lima); Eu Não Vejo a Hora (Grupo Façanha). Do álbum “VIP”, da artista Leilah Moreno, 9 músicas são de sua autoria e do álbum GRITE ALTO, da cantora Cindy Mendes (uma das integrantes do grupo ANTONIA), são 7 músicas de sua autoria.

Atualmente, Marcell Ortiz está com seu show autoral, seu primeiro trabalho solo que mostra um pouco mais de suas composições e versatilidade musical.

SITE http://marcellortizoficial.wix.com/musica

Fotos de Nuno Flores
Nuno Flores
Violinista e compositor – artista português

O renomado violinista nasceu numa família de músicos. Seu avô pertenceu à Orquestra Sinfónica do Porto e o seu pai à Orquestra Calouste Gulbenkian durante cerca de 40 anos. Nuno revelou talento para a música com apenas 3 anos e começou a aprender violino com 5 anos. Continuou a sua aprendizagem até aos 18 anos, idade com que se formou pelo Conservatório Nacional de Música e mais tarde em Ciências Musicais pela Escola Superior de Música de Lisboa. Integrou, entre outras, a Orquestra Sinfónica Juvenil, Orquestra da Juventude Musical Portuguesa, Orquestra Calouste Gulbenkian e Orquestra Metropolitana de Lisboa.

Foi membro dos Quinta do Bill de 1993 a 2005 e membro fundador dos inovadores projetos – Corvos, Ensemble Amadeus (Ensemble de Cordas que traja do Séc. IVIII) e “The Crow”.

Nuno Flores conta com várias digressões internacionais e parcerias em gravações de músicos tão diversos quanto ecléticos. Entre as suas colaborações estão a participação no segundo trabalho discográfico do grupo Entre Aspas, «Mysterium» de Rodrigo Leão/Vox Ensemble, a gravação como convidado no primeiro registo discográfico dos Moonspell, gravou também com os UHF seis temas e dois temas com António Manuel Ribeiro a solo, e efetuou várias digressões internacionais e gravações com o cantor Paulo Bragança. Colaborou também com os artistasgrupos, GNR, Santos e Pecadores, Blindzero, Titãs, Ivete Sangalo, Raimundos, Tony Garrido, Carlinhos Brown, entre outros.

Atua frequentemente em Live Act com diversos DJs, a destacar: DJ Vibe, Pete Tha Zouk, Luís Leite, etc., percorrendo alguns dos melhores clubs nacionais tais como Lux-Frágil, Budha Club, Estado Novo, Club W, etc.

Mais Informações

Fotos de Renato Soares
Renato Soares
Músico, cantor, compositor e produtor musical

Renato Soares é músico, cantor, compositor e produtor musical, pós-graduado em canção popular; criação, produção musical e performance pela faculdade de música Santa Marcelina.

Graduado em Produção Musical pela Anhembi Morumbi, Renato Soares participou de palestras apresentadas por Paul White (Sound on Sound), Omid Burgin, Carlos Freitas (Classic Master), dentre outros nomes do mercado fonográfico. Com vasta experiência em gravações ao vivo, ao longo de sua carreira e formação gravou diversas bandas e artistas, como: Clube do Balanço, Perotá Chingó, Zéli, Batanga e CIA, Caravana Tonteria, China, Orquestra de Pífanos de Caruaru, Xaxado Novo, Black Budah, Carlos Walker, Carpnov, Bukassa Kabengele e banda Booka Mutoto, Mestre Lumumba, entre outros.

Como músico, atuou em diversos estilos musicais acompanhando artistas e bandas pelo país.

Cantor e instrumentista eclético que une versatilidade, talento, simpatia e desenvoltura no palco, trazendo em sua bagagem shows diversos, desde um intimista voz e violão a grandes shows com big bands e orquestras.

A oportunidade de trabalhar em nichos variados possibilitou ao artista uma visão de bastante amplitude no mundo da produção musical, tonando-o apto a gerir as tantas variáveis do meio fonográfico.

Mais Informações

Fotos de Samuca Moretti

Mais Informações